BANNER INALDO DANTAS SITE

Assembleia objetiva

Com tempo para cada assunto, reunião fica mais dinâmica

A

s durações das assembleias condominiais são uma das maiores reclamações dos condôminos e as justificativas mais comuns de não comparecimento. A demora nos debates, as discussões paralelas e os desvios de pauta afugentam os participantes.

Aqueles poucos que comparecem, olhando apenas para suas demandas pessoais aparecem a assembleia com o simples objetivo de tratar de um assunto de seu interesse, desconsiderando completamente a pauta prevista e ainda prejudicando o andamento dos trabalhos da assembleia.

Os presidentes de mesa e síndicos sofrem frequentemente com este problema de desvios de assunto de pauta em assembleia praticamente em todas as reuniões. Para agravar ainda mais, quando as tratativas trazidas a pauta não referem-se especificamente a convocação, ocasionando delongas nos debates e o esvaziamento da reunião.

Mas como combater este prática? Uma dica importante seria temporizar a pauta da assembleia.

Vejamos então como fazer:

Parece estranho, mas não há qualquer citação legal sobre a ilegalidade do sindico em determinar no edital de convocação o tempo de debate das pautas a serem tratadas. Portanto como se sabe, aquilo que não é proibido é permitido.

Imagine uma assembleia de prestação de contas em que o conselho desaprove ou promova ressalvas nas contas? Ou ainda a apresentação de relatório final do conselho sobre suas impressões sobre as contas?

Evidentemente, estas situações são absolutamente normais em se tratando da livre manifestação dos condôminos, mas nosso objetivo não é coibir a manifestação mais sim sugerir uma assembleia que responda e esclareça todas às dúvidas, porém com a maior celeridade possível.          

Neste sentido, ou seja, o de promover uma assembleia objetiva e clara, a determinação de tempo nas pautas a serem discutidas é uma ótima sugestão.

Evidentemente esta medida pode e certamente vai contrariar alguns interesses, podendo ocorrer sem dúvida algumas manifestações contrárias por parte de condôminos que em verdade tem a pretensão de tumultuar os trabalhos da reunião, mas o Presidente precisa ser firme na postura e condução dos trabalhos.

 

Uma vez prevista a temporização das pautas, o Presidente deve fazer valer a convocação e conduzir estritamente no tempo determinado no edital. Tal medida vai viabilizar uma assembleia mais objetiva, proporcionando a tomada de decisões sem que muitos saiam do recinto sem participar das discussões.

 

O bom senso do sindico deve leva-lo sem dúvida a definir o tempo de cada pauta de acordo com a necessidade do tema, como por exemplo em um assunto sobre eleição de sindico, ou seja, permitir um prazo mínimo de discussão para exposição do candidato e como também a apresentação de sua plataforma de trabalho.

 

Outra vantagem da temporização da pauta, é a retenção dos condôminos nas dependências da realização da assembleia. A simples citação no edital de convocação de limitação de tempo nas tratativas da reunião, passa claramente ao condômino além da clara impressão de organização da administração do condomínio, além da percepção de que o assunto será debatido com brevidade e o mais importante, votado e resolvido.

 

As estatísticas demonstram que os condôminos não comparecem as assembleias por dois motivos principais: Em primeiro lugar pelas brigas constantes e em segundo lugar pela demora da realização da assembleia.

Portanto síndicos, determine tempo para as pautas das reuniões que certamente as assembleias serão mais objetivas e céleres e ainda conseguirão naturalmente a adesão de mais condôminos.

Lido 586 vezes Última modificação em Quarta, 02 Novembro 2016 13:58
Avalie este item
(0 votos)